.. Tempestade . Pura . Molecagem ..

Atualizado: Mar 9


Hora meiga e doce, outra assassina psicopata! 

Ser mulher nesses dias é foda!

Ai vem a carência e a vontade … 

E essas juntas causam um puta estrago.

Não há chocolate que aguente … 

Que dê conta … 

Que sustente!

Não há um porque para toda essa confusão.

Não há tempero ou esmero que mude essa situação.

Hora de caos total, sensível pra caralho! Ser a própria tempestade em copo d’água! Ai vem com tudo, toda vontade e desejos escondidos … Tudo a flor da pele, tudo gritando. Hormônios reinado e poros dilatando … Fera, Fêmea …

Feminina!

Não há tristeza, mas choramos.

Não há motivo, mas nós odiamos.

Hora louca e ingênua, outra devassa que sabe o que quer!

Ser a menina indefesa e horas depois avalanche de emoções!

Ai ela é rainha, sabe onde pisa …

É a criação do furacão, é tarde de verão.

Fogo, trovão.

Mulher, Mulherão.

Não há como prever, apenas se esconder. Não há chá que a impeça de pirar.

TPM coisa difícil de descrever.

Não é mal humor, mas também faz parte.

Não é tristeza, mas irritabilidade.

Não é maldade, mas acontece.

Não é apenas uma fase do mês, 

É característica unica de cada mulher … 

Então pire!

Seja livre!

Seja você mulher!

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Infortúnios

Eu rezei pra morrer. Pera ai! Quem reza pra morrer? Tanta gente rezando pra curar o câncer, pra viver mais um bocadinho, e eu rezando pra morrer. Que porra de vida escrota! E forcei a levantar da ca

Oração à Insonia

Roga-me ó mãe dos desavisados. Rega-me o peito ó mãe celeste. Rogai por nós ó Deus da multidão. Regozija de plena mansidão. Reveste me de insanidade. Rega-me de poesia e o palavrão. Roga junto de mim

Doença

Eu tenho uma doença Essa doença é escrever. Enquanto não escrevo Eu não tenho paz. Não durmo. Não como. Não tenho sossego Enquanto não escrevo. Não há cura E nem remédio Não há solução Senão escreve

face.png
insta.png
ttr.png

Raiva Sacra... Uma Mulher e dois Olhos de Trovão.