A menina que guarda Segredos.

Atualizado: Mar 9

Começou assim .. Pequenos segredos, discretos e singelos, tudo começa assim, uma pequena pitada de pimenta! Ela se deliciava em saber de coisas que ninguém mais poderia saber. Mal sabia ela que isso se tornaria sua profissão ou uma condição imposta por terceiros! Enquanto ela não sabia, ela até se divertia imaginando e pensando no tesouro que tinha. Alguns anos depois os segredos aumentaram em número, grau e quantidade .. Sim ela gostava disso! Mas se preocupa por saber de tanta coisa, coisas que ninguém poderia imaginar. Virou perita em descobrir coisa, desconfiava, pega no ar qualquer deixa de segredo. Passou a guardar não só os lhe contavam mas também os que descobria. Uma grande observadora. Ela não só tinha pedaços de vidas em suas mãos, como tinha também a sorte e destino das mesmas. Ai se ela sem quer ou querendo contasse algo … Seria o fim … O fim Dela! Então jurou que jamais ia contar a alguém se quer uma palavra, prometeu a si mesma, pois ela era muito fiel a sua palavra, quando se tratava de uma promessa a si própria. Com o tempo ela adquiriu uma habilidade maravilhosa … O esquecimento. O que para ela era algo muito bom, porque guardar segredos, não é uma tarefa fácil. É pesado! Mas esquecer também era perigoso, vai que alguém vem cobrar satisfações de seu segredo, e ela não se lembrar do que se trata. Ela tentou administra-los, mas não podia escreve-los, jamais escreveria um deles. Vai que alguém acha e lê?! Seria o fim. Ela até tentou parar de descobrir e ouvir, mas já era tarde. Ela já havia se entregado a seu destino, era como se a curiosidade falasse mais alto. Alias, curiosidade que ela tinha e muito! Dizem que a curiosidade matou o gato … Será? Então desistiu de qualquer estratégia, apenas esperava um tempo depois esquecia parcialmente deles. O que naquela época não era difícil. E ela se jogou de cabeça em seu destino, seus segredos secretíssimos. Ai você me pergunta: “E os segredos dela?” Bom, os que ela não contava ela guarda pra si, até porque ela sabia guarda-los muito bem! Assim ela continua guardando vários deles, até hoje e quem sabe se continuará guardando …

E o resto? … É segredo!! .. 

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Infortúnios

Eu rezei pra morrer. Pera ai! Quem reza pra morrer? Tanta gente rezando pra curar o câncer, pra viver mais um bocadinho, e eu rezando pra morrer. Que porra de vida escrota! E forcei a levantar da ca

Oração à Insonia

Roga-me ó mãe dos desavisados. Rega-me o peito ó mãe celeste. Rogai por nós ó Deus da multidão. Regozija de plena mansidão. Reveste me de insanidade. Rega-me de poesia e o palavrão. Roga junto de mim

Doença

Eu tenho uma doença Essa doença é escrever. Enquanto não escrevo Eu não tenho paz. Não durmo. Não como. Não tenho sossego Enquanto não escrevo. Não há cura E nem remédio Não há solução Senão escreve

face.png
insta.png
ttr.png

Raiva Sacra... Uma Mulher e dois Olhos de Trovão.